DPPM insere população carcerária feminina em seus serviços sociais

Coronavírus

DPPM insere população carcerária feminina em seus serviços sociais

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Família (Semasf), de Porto Velho, firmou parceria com a Secretaria de Estado de Justiça (Sejus), para a inserção da população carcerária e familiares dos reeducandos nas suas ações sociais e em seus diversos serviços, em especial realizados pelo Departamento de Políticas Públicas para Mulheres (DPPM) da Semasf.

Diante do recebimento da solicitação, conforme informou a diretora do DPPM, Gina Brito, o departamento se colocou à disposição e pronto para aplicação das políticas públicas às mulheres, no caso específico, à população carcerária feminina, ou seja, mulheres que cumprem pena em regime aberto e semiaberto, receberão os serviços do DPPM que têm por objetivo, empoderamento, geração de emprego e renda e elevação da autoestima da mulher.

“A população carcerária feminina, terá acesso aos nossos serviços como cursos, treinamentos, palestras, reuniões, projetos, oficinas, encontros e feiras, e com isso proporcionar a essas mulheres melhores condições de serem reinseridas dignamente na sociedade, proporcionando o aumento da confiança e da credibilidade em uma vida melhor”, disse Gina Brito.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA