Rondônia é o primeiro estado a aderir programa de combate à corrupção e transparência

Coronavírus

Rondônia é o primeiro estado a aderir programa de combate à corrupção e transparência

Porto Velho, RO – O governo de Rondônia, por meio da Controladoria Geral do Estado (CGE) assina termo de adesão ao “Programa Time Brasil” lançado pela Controladoria Geral da União (CGU) e visa melhorar a gestão pública e fortalecer o combate à corrupção de municípios e estados em todo o Brasil. “Esse programa vem de encontro com a diretriz do governador coronel Marcos Rocha, de transformar o Estado de Rondônia em referência nacional no combate à corrupção e transparência,” descreve controlador geral do Estado, Francisco Lopes Fernandes Netto.

Segundo Francisco Netto, Rondônia foi o primeiro estado da federação a aderir ao Time Brasil, o termo de adesão foi assinado pelo governador e já publicado, composto por uma equipe de trabalho da CGE. “Assim o Time Brasil está formalizado em Rondônia. O  interessante é que o Estado é o primeiro a aderir ao  programa. Alguns municípios já tinham aderido, pois ele surgiu com a proposta para os municípios, mas em questão de Estado, nós fomos o primeiro,” explica o controlador geral.

De acordo com o controlador geral as principais vantagens que o programa traz para o Estado é a implementação ao longo do tempo de boas práticas de integridade, por meio de atos normativos e através de fluxos de processos.

“Então, o principal benefício que ele traz para o Estado é que no final nós teremos canais formalizados de promoção de formalidades dentro das secretarias,” esclarece  controlador geral do Estado, Francisco Netto

Além disso, Francisco Netto informou que a CGU sempre tem exportado conhecimento e colocado-se à disposição do Estado com o  objetivo de agregar valor às suas organizações. “A integridade é o conjunto de ações que visa promoção da ética e o combate à corrupção. Isso melhora a transparência e o fomento ao combate à corrupção, a gente conta com apoio da CGU e mais uma vez seguindo o planejamento estratégico buscamos ser referência no Estado de Rondônia no Brasil,” finalizou Francisco Netto.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA