Reunião de Bolsonaro com governadores do Sudeste acaba virando bate-boca

Reunião de Bolsonaro com governadores do Sudeste acaba virando bate-boca

CONVERSA TENSA

João Doria chegou a ameaçar ir à Justiça se governo federal confiscar equipamentos e insumos para combate ao coronavírus

Por iG Último Segundo  

Bolsonaro

Isac Nóbrega/PR
Reunião convocada pelo presidente acabou se tornando uma discussão

A reunião do presidente Jair Bolsonaro com governadores do Sudeste na manhã desta quarta-feira (25) teve bate-boca e discussões sobre questões políticas. Estiveram presente na videoconferência João Doria (São Paulo), Wilson Witzel (Rio de Janeiro) e Renato Casagrande (Espírito Santo), além de alguns ministros.

Leia também: Covid-19: governadores preparam reação conjunta a Bolsonaro e mantêm restrições

Segundo informações do jornal O Globo, o momento mais tenso aconteceu quando Doria ameaçou ir à Justiça contra o governo federal caso haja confisco de equipamentos e insumos destinados ao combate do novo coronavírus no estado.

O encontro aconteceu um dia depois do último pronunciamento de Bolsonaro em rádio e televisão. Na ocasião, o presidente defendeu afrouxamento das medidas de restrição à Covid-19 e criticou governadores que atuam na “contramão” do que ele vem pregando ao povo.

Leia também: Bolsonaro defende isolamento só de idosos e fala em possível abalo na democracia

Ainda de acordo com a publicação, Bolsonaro foi cobrado a dar exemplo ao paíse e a iniciar negociações com o Banco Mundial e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para adiar o pagamento das dívídas dos estados.

Fonte: undefined – iG @ https://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2020-03-25/reuniao-de-bolsonaro-com-governadores-do-sudeste-acaba-virando-bate-boca.html

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA