GOVERNO FECHA 2019 COM AÇÕES POSITIVAS QUE BENEFICIARAM ALUNOS E SERVIDORES DA EDUCAÇÃO ESTADUAL

Estudantes aprendem a ter alto conhecimento com ensino integral

Durante o primeiro ano desta gestão, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) teve como principal alvo vencer os indicadores do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) e Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), e para isso, aulões preparatórios em todas as áreas de conhecimento foram ofertados aos alunos da rede pública estadual.

Os aulões foram realizados no decorrer de todo o ano de 2019, no formato itinerante, com parcerias de instituições de ensino superior, e ainda organizados pelas coordenadorias regionais de educação. Somente em Porto Velho mais de mil aulões foram realizados pela Seduc.

Outra ação de governo que beneficiou à Educação foi o pagamento de pecúnias referente à licença prêmio e retroativo de progressão dos servidores, como forma de valorização e reconhecimento de direitos.

TRANSPORTE

Estudantes que utilizam o transporte aquaviário, às margens do rio Madeira

A Seduc assumiu, este ano, o transporte aquaviário de alunos do Baixo Madeira, atendendo tanto a rede estadual quanto municipal, possibilitando o início do ano letivo para os estudantes dos distritos ao longo do rio Madeira, na Capital. O Estado licitou e contratou, em menos de quatro meses, a empresa Ilairana, que opera com aproximadamente 80 embarcações fazendo o transporte fluvial de crianças e adolescentes da região ribeirinha.

Um levantamento minucioso sobre a situação da empresa que presta o serviço do transporte escolar terrestre em Porto Velho foi desenvolvido por uma comissão montada pelo Governo de Rondônia, em cumprimento à decisão judicial do Ministério Público do Estado, que determinou a intervenção no serviço municipal. Diante da intervenção, o secretário de Estado da Educação, Suamy Vivecananda Lacerda Abreu, foi designado como interventor, também resolvendo o problema dos estudantes, principalmente na zona rural.

EDUCAÇÃO INTEGRAL

Quanto à educação integral, o Programa Escola Novo Tempo atende estudantes de 11 escolas e tem como proposta melhorar a qualidade do ensino nos estabelecimentos da rede pública estadual por meio da adesão ao Programa de Fomento ao Ensino Médio em Tempo Integral do Ministério da Educação (MEC).

Estudantes aprendem a ter alto conhecimento com ensino integral

Até o ano de 2024, a meta é tornar Rondônia uma referência da região Norte na formação dos estudantes do ensino integral, proporcionando formação acadêmica de excelência, competências para transitar na sociedade do século XXI e formação com foco num projeto de vida.

SEGURANÇA E FORMAÇÃO

O Plano de Segurança Pública para as escolas do Estado foi reforçado para maior segurança dos alunos e professores, evitando que casos de violências ocorram dentro dos estabelecimentos educacionais, ampliando a parceria entre a Secretaria Estadual de Segurança (Sesdec) e o patrulhamento escolar.

A formação de professores, quilombolas e indígenas também fez parte do trabalho realizado este ano pela Seduc, além de curso de Libras, educação inclusiva e formação técnica. O turismo educacional foi promovido com a parceria da Seduc e a Superintendência Estadual de Turismo (Setur). Envolvendo professores de História, foram realizadas formações, concursos de redação com alunos da rede sobre os pontos turísticos de Rondônia e concursos de artes sobre as belezas do Estado.

Fonte: Secom

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA