Adailton Fúria denuncia que aumento abusivo de energia penaliza famílias carentes

Em seu primeiro discurso no plenário da Assembleia Legislativa, na sessão ordinária desta terça-feira (19), o deputado estadual Adaílton Fúria (PSD) denunciou que o aumento abusivo nas contas de energia elétrica, tem gerado graves prejuízos para a população de Rondônia, especialmente aos mais carentes.

“Quero iniciar meus discursos nesta Casa, relatando a situação que muitas famílias carentes estão sofrendo com esse aumento abusivo na energia elétrica. Quero contar um caso lá em Cacoal de uma família simples, que tem uma criança com necessidades especiais, que precisa ter um ventilador para suportar o calor, além de um aparelho de TV, para se distrair. A mãe precisa escolher desligar o ventilador, a TV ou geladeira, pois não podem pagar a alta tarifa”, relatou.

Fúria disse que a mãe não pode trabalhar, pois precisa cuidar do filho. Já o pai trabalha como diarista, recebendo pouco dinheiro. “Essa empresa pegou a concessão pública, para colocar o cidadão simples para pagar a conta de seus investimentos. Essas empresas geradoras de energia, estão honrando com seus compromissos com o Estado de Rondônia? Esse fato verdadeiro que contei aqui aos senhores deputados, acontece em diversas cidades de Rondônia, infelizmente”.

O parlamentar informou que na segunda-feira (18), protocolou pedido para instalação de uma Frente Parlamentar para acompanhar o trâmite de todos os assuntos relacionados às usinas e também da questão energética no Estado.

Segundo ele, o aumento da cota da usina de Santo Antônio foi autorizado, mas a empresa não teria cumprido a sua parte. “Agora eu pergunto, se o cidadão não pagar a sua conta de energia, o que acontece? Ele tem o serviço cortado. Mas as grandes empresas não cumprem a sua parte e fica por isso mesmo”.

Texto: Eranildo Costa Luna – DECOM/ALE

Foto: José Hilde

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA